Quando o apresentador diz tudo…

Sempre é polêmico quando Pedro Bial evidencia o olhar da direção/produção do programa (incluso ele) no discurso de eliminação. Mas queria dizer que sempre achei fundamental esse tipo de interferência. Não defendo imparcialidade do apresentador. Não é à toa que o blog tem este nome: um trocadilho com o título do programa + nome do diretor (Boninho). Defendo porque acredito que o jogo precisa ser conduzido sim, que à revelia dos participantes tudo ficaria ainda mais previsível. É mais um elemento. E quem entende como funciona a televisão e não quer se decepcionar com bobagens deveria encarar isso com naturalidade. Essa é minha opinião. Respeito outras divergentes de quem por acaso lê o blog.

Ontem mesmo li uma nota com a seguinte citação de Boninho num site (que não vou lembrar agora qual é): “nós escolhemos os piores (para entrar na casa), vocês escolhem o menos ruim (para vencer)”. Concordo sem tirar, nem pôr. O jogo do BBB seria uma monotonia só se por acaso predominasse um clima cordial lá dentro, em que ninguém se emputasse com voto ou coisa parecida. Os defeitos evidentes de cada confinado são a engrenagem do jogo. E nem sempre o menos defeituoso vence, bom lembrar.

Eu concordo, em parte, com a visão de alguns blogs de que os participantes são um espelho de tipos de comportamento desejáveis ou indesejáveis. Mas é bom perceber que quem monta esse espelho somos nós, o público, que repercutimos, damos (ou não) cabimento ao programa. Com a declaração citada, Boninho dá a deixa para que as pessoas vejam que o BBB não é a corrida do mais íntegro, e sim uma disputa daquele que queima a reputação alheia de forma mais convincente. Eis o raciocínio que justifica a permanência da Lia por lá até hoje – a maior jogadora desta edição – apesar de tanta rejeição dela aqui fora.

Usei os três parágrafos acima para falar do papel da direção porque hoje foi assim. O discurso do Bial traz um teor geralmente carregado de subjetividade, até para despistar um entendimento mais óbvio dos confinados. E nesta terça o texto trouxe muita coisa da percepção do público, ou da maioria deste. Acho que foi uma das situações desta edição (falo do romance frouxo entre Cláudia e Eliéser) em que houve uma maior sintonia entre o viés do apresentador e do público – sobretudo de quem acompanha o BBB além dos canais oficiais. Ao meu ver, Bial falou tudo sobre a saída da Cacau e eu particularmente não teria muito mais a acrescentar. Vamos aos drops, então.

Drops

Ela é bem mais bonita do que nessa foto, na verdade / Fonte: globo.com

* Cacau é linda, gostosa, e com toda aquela bunda vai vender revista pra caramba quando posar nua. Disso eu não tinha dúvida desde o início, a não ser que ela tivesse passado pouco tempo na casa. O que não é o caso. Cinqüenta dias são o bastante para ela aproveitar bem os 15 minutos de fama. Atributo físico sobrando para isso ela tem. Além disso, transmitia uma certa esperteza e uma dose de bondade (ponto dela com o público) que até me fizeram pensar que ela poderia ir mais longe no jogo. Era a “falsa boba” presa pela (anti) estratégia do maior bobão da casa. Rodou por isso.

* Eu entendo a torcida que existe a favor do Cadu. Ele é carismático e não vacila facilmente, apesar de ser o secretário da Lia. E faz o jogo de “juiz” das discussões, apartando as brigas e aconselhando os brigões. Mas que é um negócio arriscado, pois sem passar por paredões ele pode acabar feito o Marcão do BBB8.

* Não acredito que “intimamente” Michel e Dicésar enxerguem tantas virtudes em Eliéser principalmente depois da patada do Bial no discurso de eliminação da Cacau. O jogo Puxadinho X Casa de Luxo força os dois a manter uma relação de aliado com o bobão. A curto prazo Dimmy terá de pegar um paredão duplo com Fernanda ou uma Maroca da vida e, eliminando uma delas, vai entender que a disputa não é 100% focada em “lado contra lado”, diferente do que aconteceu no BBB9.

* Tenho uma curiosidade e se algum leitor do blog souber, me responda: alguém dentro da casa já especulou que essa força do Dourado aqui fora seria em parte uma herança da participação dele no BBB4? Tenho impressão que todos acham que ele era mega rejeitado em 2004 e ponto. E não foi bem assim.

* Restando nove participantes na casa e menos de um mês para a final, no próximo post vou falar sobre as chances de cada um vencer ou seguir adiante no jogo segundo minha opinião. O engraçado RSFD já fez isso e eu recomendo a análise deles também.

Por Felipe (littlebonibrasil@gmail.com)

Anúncios

3 comments so far

  1. Acyr Gomes on

    Muito bom. Deu prá mim aprender um pouco mais de bbb, principalmente este que tgem muit matéria.

    Acyr

  2. bbbdeagulha on

    também vou em drops:

    bem interessante essa comparação entre lia e ana carolina, nunca havia pensado nisso. também acho que o jogo da lia tá cheirando um – frustrante – quarto lugar.

    não sei se é porque eu gosto do cadu e tinha pânico do marcão, mas acho difícil comparar os dois. enquanto marcão se fazia de idiota e acabou perdendo o respeito do público, cadu mantém a atitude boa praça e vem crescendo ao longo do programa. pra mim é figura certa na final, mas tem grandes chances de perder se não enfrentar pelo menos um paredão antes disso.

    você acha mesmo que dicesar vence um paredão contra fernanda? eu acho isso bem difícil, a não ser que ele continue ganhando edições extremamente positivas, como a de ontem. a popularidade da fernanda, pra mim, é um dos maiores mistérios desse programa. no uol ela é a segunda colocada com folga, mas na net em geral ninguém gosta dela. só um paredão duplo pra responder. ou uma nova prova de resistência pra levantar a moral da moça.

    • littlebonibrasil on

      Sobre Dicésar X Fernanda, eu não teria tanta certeza sobre o resultado. Você tem razão em levantar essa popularidade misteriosa dela em contraponto com a rejeição na net.

      O que eu acho é que se a gente for pensar no fim da divisão das casas daqui a pouco, afinal, 8 já saíram, podemos ter uma nova configuração de alianças aí. E as pessoas vão tendo uma necessidade maior de “aparecer pra edição”, coisa que o Dimmy faz melhor do que ela. Ele tem mais “componentes” para se firmar nessa reta final.

      Acho que o jogo vai perder muita graça se Michel e o Dimmy forem os próximos a sair. Só vai sobrar os amigos ou pseudo-amigos do Dourado. Mas talvez você tenha toda a razão e só ande faltando mais paredões para a Fernanda confirmar toda essa força misteriosa.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: